3 de fevereiro de 2011

I miss our cuddle.

Penso tanto em como seria,
se eu e você não tivéssemos rompido...
Talvez seria a mesma felicidade,
até a mesma simplicidade,
mas algo fez ser contrario.
E só restou um fim de tarde, tardio
sem ti, sem nós, sem nada, sem tudo,
só escuto assobios e gritos do silencio dolor.

Sinto falta de seus olhos nos meus,
das suas risadas exageradas, mais para gargalhadas,
do seu abraço apertado,
do seu jeito despreocupado,
e do seu amor tão confortável.

Mas ainda sim, sinto mais falta
das nossas noites a sós,
pensando no acaso de sermos nós,
bebendo um vinho e distribuindo carinhos,
tão únicos e verdadeiros 
que mal consigo descreve-los.

2 comentários:

  1. Acho que o fim de algo é sempre um começo.
    Amei o blog e o jeito que você escreve é lindo!
    parabéns.
    www.justtexts.blogspot.com
    camille

    ResponderExcluir
  2. E toda dor, de toda saudade sempre surge um pouco de poema e de vontade de estar perto.
    Super ;*

    http://seeprafalarde.blogspot.com/

    ResponderExcluir